Quarta, 20 de junho de 2018
Contato:(75) 9 9911-5583 E-mail itaberabaemfoco@gmail.com

20º

Min 16º Max 27º

Claro

Itaberaba - BA

às 10:23
Política

13/02/2018 ás 08h25 - atualizada em 15/02/2018 ás 08h27

Itaberaba em Foco

Itaberaba / BA

Marcelo Odebrecht entrega nota que comprova pagamento de suposta propina à produção do filme sobre Lula.
A Odebrecht informou que está “colaborando com a Justiça”.
Marcelo Odebrecht entrega nota que comprova pagamento de suposta propina à produção do filme sobre Lula.

O empreiteiro Marcelo Odebrecht entregou à Operação Lava Jato uma nota fiscal no valor de R$ 250 mil e um comprovante de pagamento à produção do filme ‘Lula, o filho do Brasil’. O financiamento do longa é alvo de investigação da Polícia Federal.


Marcelo Odebrecht é delator da Lava Jato, cumpre prisão domiciliar em São Paulo. Ele foi ouvido pela PF em dezembro do ano passado quando ainda estava custodiado.


Na ocasião, o empreiteiro ‘se disponibilizou a auxiliar a investigação e a buscar, por meio da sua defesa, junto à Odebrecht S.A., empresa leniente, cópias de registros sobre eventual apoio financeiro dado à produção do filme ‘Lula, o filho do Brasil’.


“O colaborador (Marcelo Odebrecht) também está comprometido a identificar, no âmbito da pesquisa que fará nos registros constantes do seu computador, todos aqueles documentos e informações que possam ser úteis à elucidação deste e de outros fatos investigados”, afirmou a defesa.


A nota fiscal de número 2930 tem data de vencimento de 4 de maio de 2009. Um trecho do recibo indica a discriminação dos serviços.“Cota de patrocínio da obra intitulada ‘Lula, o filho do Brasil’, aponta a nota emitida pela produtora Filmes do Equador, do cineasta Luiz Carlos Barreto.


A cinebiografia do ex-presidente Lula estreou em 1º de janeiro de 2010 e custou cerca de R$ 12 milhões.


 

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium