E-mail

itaberabaemfoco@gmail.com

WhatsApp

Contato:(75) 9 8834-6881

MPE
Micro e Pequenas Empresas são responsáveis por dois em cada três empregos no Brasil.
Enquanto Novo Refis não for aprovado, empresários precisam regularizar dívidas tributárias até o dia 31 de janeiro.
30/01/2018 13h10
Por: Itaberaba em Foco

Carlos Baumgarten

Responsáveis por dois em cada três empregos no Brasil, as Micro e Pequenas Empresas (MPE) representam uma parcela significativa do motor da economia nacional. Para continuarem desenvolvendo o importante papel de geradores de emprego, esses empreendimentos precisam obter melhores condições de refinanciar suas dívidas tributárias, o que seria oportunizado com a aprovação do Novo Refis.

Mas, enquanto o projeto não for aprovado, os empresários precisam ficar atentos ao prazo de 31 de janeiro para refinanciar suas dívidas dentro das regras atuais, que inclui o parcelamento em até 60 meses. Caso contrário, essas empresas serão excluídas do Simples Nacional e não poderão nem aderir ao Novo Refis, se aprovado.

A partir do Projeto de Lei, que foi aprovado no Congresso e no Senado, em dezembro, mas vetado pelo presidente Michel Temer, no dia 5 de janeiro, as micro e pequenas empresas poderiam refinanciar suas dívidas em até 180 meses. Isso dá condições aos empresários de continuarem suas atividades sem maiores prejuízos.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Publicidade:
Mais Gelo
Últimas notícias
Mais Gelo
Mais lidas