Wagner intimado

Jaques Wagner é convocado a prestar contas ao Ministério do Turismo sobre repasse de R$ 1 milhão.

O convênio era voltado para qualificação de policiais, taxistas, profissionais e empresários relacionados aos serviços turísticos, além de pesquisa de diagnóstico com foco no turismo de aventura.

17/02/2019 17h33Atualizado há 6 meses
Por: Itaberaba em Foco

O senador e ex-governador Jaques Wagner (PT) foi convocado pelo Ministério do Turismo para regularizar pendências relacionadas à prestação de contas de um convênio firmado em 2007, quando ele estava à frente do Palácio de Ondina. A informação é da coluna Satélite, do Correio.

A pasta cobra a entrega da documentação pendente para comprovar a regularização do projeto. A intimação se deu por meio de edital publicado no Diário Oficial da União. Wagner não foi localizado pelos Correios para receber a notificação, porque mudou de endereço.

O senador solicitou a prorrogação do prazo para entrega da documentação, e o pedido foi aceito pela pasta. O contrato teve repasse federal de R$ 1 milhão, com objetivo de implementação do projeto Operação Verão. O convênio era voltado para qualificação de policiais, taxistas, profissionais e empresários relacionados aos serviços turísticos, além de pesquisa de diagnóstico com foco no turismo de aventura.

A ação foi realizada em dez cidades, a exemplo de Salvador e Cairu. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Últimas notícias
Mais lidas