Vitória da Conquista

Falso cirurgião-dentista é preso em cidade da Bahia por exercício ilegal da profissão.

O falso dentista foi conduzido para delegacia e vai responder pelo exercício ilegal da profissão, cuja pena varia de seis meses a dois anos.

14/07/2019 10h40Atualizado há 1 mês
Por: Itaberaba em Foco

O Conselho Regional de Odontologia da Bahia (CRO-BA) em parceria com a Policia Militar conduziu em flagrante, neste sábado (13), Jonivaldo Barros Porto, exercendo ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista no município de Vitória da Conquista, reincidente, sento atuado anteriormente em 27 de março do ano corrente pelo CRO-BA.

O falso dentista foi conduzido para delegacia e vai responder pelo exercício ilegal da profissão, cuja pena varia de seis meses a dois anos.

Para o presidente do CRO-BA, Dr. Marcel Arriaga, quem incorre em crime que coloca em risco a saúde da população deve sofrer penalidade maior a que ora se atribui a prática do exercício ilegal. Segundo Dr. Marcel a classe odontológica aguarda a aprovação do projeto de lei 3063/08 que em seu texto original agrava a pena de reclusão de 2 a 6 anos e multa, punindo com efetividade aquele que exercer ilegalmente a profissão de cirurgião-dentista.  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Últimas notícias
Mais lidas