Bahia OPERAÇÃO FAROESTE

Desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia e filho presos na Operação Faroeste mantinham passagem secreta entre apartamentos

Apesar da descoberta, a PF diz não ter acessado o apartamento do filho da desembargadora.

25/03/2020 09h57
Por: Itaberaba em Foco
Desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia e filho presos na Operação Faroeste mantinham passagem secreta entre apartamentos

Durante a ação que apreendeu R$ 250 mil de propina destinados à desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Sandra Inês Rusciolelli, agentes da Polícia Federal acabaram descobrindo uma passagem secreta que liga o apartamento da magistrada ao do imóvel do seu filho, o advogado Vasco Rusciolelli. 

Eles moram nas unidades 1101 e 1102 de uma das torres do condomínio de luxo Le Parc, na Avenida Paralela, em Salvador. Os dois e um outro advogado foram presos nesta terça-feira (24), durante a quinta fase da operação Faroeste, que apura um esquema de venda de sentenças sobre posses de terra o Oeste da Bahia.

O detalhe foi registrado no pedido de busca e apreensão criminal feito pelo Ministério Público Federal e autorizado pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Ogg Fernandes, relator da operação.

“...ela e seu filho VASCO residem em unidades vizinhas do mesmo prédio, em apartamentos geminados, isto é, com passagem interna conectando as duas unidades”, diz a descrição da operação, observando que a passagem é “não original da construção”. 

Apesar da descoberta, a PF diz não ter acessado o apartamento do filho da desembargadora.  

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.