E-mail

itaberabaemfoco@gmail.com

WhatsApp

Contato:(75) 9 8834-6881

Concurso
Correios anunciam concurso; salários chegam a R$ 4,9 mil
Podem se inscrever candidatos que tenha nível médio/técnico e superior completo, além de disponibilidade para atuar em jornada de 180h mensais até 220h mensais. Os salários variam de R$ 1.876,43 a R$ 4.903,05.
05/10/2017 16h21Atualizado há 2 anos
Por: Itaberaba em Foco

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos anunciou, nesta quinta-feira (5), os detalhes sobre o Concurso Público Nacional, que tem como objetivo o preenchimento de vagas e formar cadastro reserva em cargos da área de Medicina e Segurança do Trabalho.

Os interessados deverão fazer as inscrições via internet, no período entre 8h do dia 09 de outubro de 2017 e 22h do dia 20 de outubro de 2017. O Processo Seletivo tem oportunidades nas funções de Enfermeiro do Trabalho Júnior (2), Engenheiro de Segurança do Trabalho Júnior (9), Médico do Trabalho Júnior (44), Auxiliar de Enfermagem do Trabalho (12), e Técnico em Segurança do Trabalho Júnior (21).

Os profissionais poderão atuar em Salvador e outras mais de 20 cidades, são elas: Aracaju - SE, Bauru - SP, Belém - PA, Belo Horizonte - MG, Boa Vista - RR, Brasília - DF, Campo Grande - MS, Curitiba - PR, Fortaleza - CE, Goiânia - GO, João Pessoa - PB, Macapá - AP, Maceió - AL, Manaus - AM, Natal - RN, Palmas - TO, Porto Alegre - RS, Porto Velho - RO, Recife - PE, Rio Branco - AC, Rio de Janeiro - RJ, São José - SC, São Luís - MA, São Paulo - SP, Teresina - PI, e Vitória - ES.

Podem se inscrever candidatos que tenha nível médio/técnico e superior completo, além de disponibilidade para atuar em jornada de 180h mensais até 220h mensais. Os salários variam de R$ 1.876,43 a R$ 4.903,05.

Todos os inscritos serão submetidos a Prova Objetiva prevista para ser aplicada no dia 26 de novembro de 2017, no turno da tarde com duração de 4 horas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Publicidade:
Mais Gelo
Últimas notícias
Mais Gelo
Mais lidas